News

             

Região de Agulhas Negras sofre com aumento do IPTU

 
Composta pelos municípios de Resende, Itatiaia, Quatis e Porto Real, a região das Agulhas Negras combina uma natureza exuberante com boa oferta gastronômica, sendo um grande polo turístico do estado do Rio de Janeiro. Recentemente, porém, um tema vem tirando o sono da hotelaria da região: o aumento do IPTU.
 
Por demanda do conselho da associação na região de Agulhas Negras, a ABIH-RJ encaminhou ao Prefeito de Itatiaia, Eduardo Guedes, uma carta solicitando a revisão dos cálculos para o reajuste do IPTU no Município de Itatiaia e no Distrito de Penedo.
 
No comunicado, a associação considerou que o aumento, que variou entre 100% e 180% para estabelecimentos comerciais, fere a lei da razoabilidade. Verificou-se que o aumento foi feito pela alteração da alíquota a cobrada de 0,6% para 2% sobre o valor venal do imóvel. Isso gerou, além do aumento normal de valorização do imóvel de quase 3%, um aumento real entorno de 180%.
 
No comunicado, a assessoria jurídica da ABIH-RJ alega que o gestor público deve agir com bom senso, não sendo razoável majorar abruptamente um imposto fundamentado em uma defasagem de valores provocada pela própria desorganização da administração pública.
 
O Pico das Agulhas Negras, no Parque Nacional de Itatiaia, é o ponto culminante do Estado do Rio de Janeiro, com 2.789 metros de altitude.  A região também conta com Penedo como principal Polo Gastronômico. Outro destaque da Visconde de Mauá, famoso reduto hippie nas décadas de 80, também ponto de encontro dos amantes do ecoturismo.
 
Fotos: Setur/RJ
 
Publicado em 09 de agosto de 2018

Rating of Internauts

Rating:


0 1 2 3 4 5

Name :



Email:



Comments



Maria Eugênia Street, 300 - Humaitá - Rio de Janeiro - RJ, 22261-080 • teléphone: (21) 3410-5131